O Dallas Cowboys, time da NFL, abre mão do astro Tony Romo que ganharia US$ 2 milhões por mês. Denver Broncos ou Houston Texans são os destinos mais prováveis

O Dallas Cowboys vai liberar nesta quinta-feira o quarterbabck Tony Romo, que defende a franquia desde a sua entrada na NFL, em 2003. É isso o que noticiam diversos veículos da imprensa americana.

Na próxima temporada, Romo ganharia um salário dos Cowboys de US$ 24,7 milhões (R$ 78,01 milhões), o maior entre todos os atletas na liga. Por problemas de lesão, Romo perdeu o início da temporada de 2016 e quando estava recuperado virou opção no banco de reservas, tendo entrado em apenas uma de 17 partidas da equipe.

Ainda de acordo com a imprensa americana, o Denver Broncos ou o Houston Texans são os destinos mais prováveis do atleta.

Aos 36 anos de idade, Romo jamais disputou um Super Bowl. Ele esteve quatro vezes no Jogo das Estrelas, o Pro Bowl.

Publicado em Campeonatos, Dallas Cowboys, Denver Broncos, Houston Texans, NFL, Time, Tony Romo | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

OJ: Made in America – Documentário sobre ex-astro do futebol americano vence o Oscar 2017

A cerimônia de gala que premia os melhores atores e filmes de Hollywood aconteceu na noite do último domingo: o Oscar teve em 2017 sua 89ª edição, e o esporte esteve presente entre os vencedores este ano. Mais precisamente, na categoria de “Melhor Documentário”, vencida pela obra OJ: Made in America, que conta a história do ex-astro do futebol americano OJ Simpson.

O documentário, do diretor Ezra Edelman, foi produzido pela ESPN americana, e é focado no julgamento pela qual Simpson foi submetido devido a acusação de ter assassinado sua esposa, Nicole Simpson, no ano de 1994.

Considerado o “julgamento do século”, o caso teve grande apelo midiático na época, devido a figura pública de OJ Simpson. O ex-atleta acabou sendo considerado inocente das acusações, mas voltou a enfrentar a Justiça em 2007, acusado de assalto, sequestro, formação de quadrilha e porte ilegal de armas. Desta vez, foi considerado culpado e recebeu pena de 33 anos de prisão. Atualmente, OJ se encontra em cárcere privado.

Enquanto jogador, OJ Simpson atuou como corredor, ou running back, e fez carreira de sucesso na NFL, a liga estadunidense de futebol americano, defendendo entre 1969 e 1979 as equipes do Buffalo Bills e do San Francisco 49ers.

Publicado em Geral | Deixar um comentário

Super Bowl e sexo – O que o torcedor faz após assistir ao Super Bowl? Vai ver pornografia


Estudo mostra o aumento de acessos em site adulto depois da decisão entre Patriots e Falcons

O que os torcedores norte-americamos fazer depois de assistir ao Super Bowl? Ou, para deixar mais específico: o que fizeram depois do histórico jogo entre New England Patriots e Atlanta Falcons, no último dia 5 de fevereiro?

Poderiam ser muitas as respostas, como sair com os amigos para comemorar, comer, beber ou, no caso dos fãs dos Falcons – derrotado na prorrogação do Super Bowl – ir para cama e dormir, para esquecer a perda do título.

Uma resposta alternativa foi dada pelo portal de vídeos pornográficos PornHub, que registrou um aumento significativo do seu tráfego após o jogo. O estudo mostra que antes da partida entre Patriots e Falcons, o número de acessos caiu 27%, sendo que depois da decisão em Houston, esse número aumentou 36%.

De onde foram os acessos?
Uma outra medição da pesquisa mostrou que o maior aumento aconteceu justamente nos estados da Georgia, casa do Atlanta Falcons, e Massachussets, onde o anfitrião é o New England Patriots. No estado do time vencedor, o tempo médio de permanência no site aumentou bastante.

E mais do que isso. Apesar de o PornHub ser um site de conteúdo pornográfico, a expressão Super Bowl foi mais procurada depois do duelo entre Patriots e Falcons.

Publicado em Atlanta Falcons, Super Bowl | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

Incêndio provoca a morte do ex-jogador do Miami Dolphins Quentin Moses

O ex-defensor do Miami Dolphins Quentin Moses, de 33 anos, morreu neste domingo após um incêndio na casa em que ele estava com outras duas pessoas, uma mulher e a filha dela, de apenas dez anos de idade.

O Corpo de Bombeiros indicou que o fogo começou por volta das 6h locais de hoje. Adria Gordard, de 31 anos, e filha, Jasmine, foram encontradas mortas na casa, que fica na cidade Monroe.

As autoridades informaram que Moses, que tinha sido assistente técnico da Universidade de Reinhardt nas últimas cinco temporadas, estava inconsciente quando os bombeiros o encontraram. O ex-jogador da NFL morreu pouco depois em um hospital próximo.

Moses foi escolhido na terceira rodada do draft da NFL de 2007 pelo Oakland Raiders, mas foi trocado com os Dolphis, franquia pela qual atuou quatro temporadas como linebacker.

Publicado em Jogador, Miami Dolphins, Time | Com a tag , , | Deixar um comentário

Super Bowl 2017 – Épico, espetacular, fantástico! Virada histórica consagra Tom Brady como o maior de todos


New England Patriots chegou a estar perdendo por 25 pontos para o Atlanta Falcons no terceiro quarto, mas comandado pelo quarterback conseguiu a maior vitória já vista no Super Bowl. Tom Brady quebra série de recordes, cala críticos e acaba com as dúvidas de quem é o melhor jogador da história da NFL

Publicado em Geral | Deixar um comentário

Lançamento espacial – Do espaço, astronauta lança bola de futebol americano a mais de 500 mil metros

0606
A NASA confirmou que um astronauta que está na Estação Espacial Internacional lançou uma bola de futebol americano na maior distância já registrada: 516 m050505il metros.

O “maior lançamento do mundo” aconteceu em homenagem ao Super Bowl, final da liga de futebol americano que aconteceu no último domingo (5).

O truque, porém, é que o lançamento real teve apenas 73 metros de alcance. Como a bola foi lançada em gravidade zero, porém, a velocidade de rotação da Terra foi considerada, e a bola estava se movendo a 8 mil metros por segundo.

Publicado em Geral | Com a tag , | Deixar um comentário

Ford marca presença no Super Bowl exibindo um vídeo institucional focando em soluções de mobilidade e inovando na comunicação


A Ford escolheu o “Super Bowl” do futebol americano, evento de maior audiência na TV dos Estados Unidos, para divulgar um tema muito atual na estratégia da empresa: a mobilidade. Pela primeira vez na história da final da famosa liga americana, a marca vai exibir um vídeo institucional focado em soluções de mobilidade e inovando na comunicação, anteriormente restrita à divulgação de produtos. O superjogo terá transmissão ao vivo no Brasil, no próximo domingo, dia 5, a partir das 21h00 pela ESPN.

Esta semana, a Ford também inaugurou em Nova York o seu primeiro estúdio de experiência interativa com a marca, chamado FordHub. É mais uma ação que mostra a sua transformação numa empresa de automóveis e voltada a criar soluções de mobilidade.

O anúncio do “Super Bowl”, de 90 segundos, é embalado pela música “I Wish I Knew How It Would Feel To Be Free” (“Eu queria saber como seria se sentir livre”), de Nina Simone. Ele ilustra momentos em que as pessoas ficam “presas” na vida. Em seguida, apresenta as soluções que a Ford está desenvolvendo para ajudar as pessoas a se mover com mais liberdade, como veículos elétricos, autônomos e compartilhamento de carros e bicicletas.

COMO FUNCIONA O FORDHUB
O espaço FordHub é projetado para inspirar os visitantes – proprietários de carros da Ford ou não – a pensar sobre o futuro do transporte de uma forma nova, incentivando a imaginação e o diálogo. Ele convida os consumidores a se juntar à Ford para explorar como a empresa está repensando o futuro do transporte.

No local, os visitantes podem explorar num mapa-mundi as soluções que a Ford vem desenvolvendo em cidades de todo o mundo para enfrentar os crescentes desafios da mobilidade e criar a Cidade do Amanhã. Outro mapa mostra informações em tempo real do trânsito, trens e balsas de Nova York.

Há também entretenimento, como um jogo de corrida num mundo futurista usando vários meios de transporte e tokens. Em outra estação, os visitantes usam um óculos de realidade virtual para montar um Mustang no topo do Empire State Building. Uma equipe de atendentes, chamados FordGuides, fica à disposição para orientar e responder perguntas do público. A ideia é ampliar o programa no futuro e promover eventos interativos com artistas e pensadores.

“A Ford foi fundada com a promessa de oferecer soluções de transporte acessíveis a milhões de pessoas e esse compromisso ainda nos impulsiona hoje”, diz Stephen Odell, vice-presidente global de Marketing, Vendas e Serviços da Ford. “Ao expandir nosso negócio como empresa de automóveis e de mobilidade, estamos usando novas experiências como o FordHub e o anúncio do ‘Super Bowl’ para explicar o que significa quando dizemos a frase ‘Go Further’, ou seja, vamos mais longe para que você possa ir também.”

Publicado em Geral | Com a tag , | Deixar um comentário

Aposentadoria no futebol americano – Big Ben, duas vezes campeão do Super Bowl cogita aposentadoria

Aos 34 anos, quarterback do Pittsburgh Steelers revela que usará as férias e conversará com a família para decidir se continuará jogando futebol americano

O Quarterback titular do Pittsburgh Steelers, Ben Roethlisberger, pensa em pendurar as chuteiras após a derrota por 36 a 17 para o New England Patriots na final da Conferência Americana da NFL. Em entrevista à rádio “The Fan” de Pittsburgh, o camisa 7 dos Steelers afirmou que irá aproveitar o tempo de férias, conversar com a família para “considerar todas as opções” se volta ou não para a temporada 2017/18.

– Eu vou considerar a minha saúde, a minha família e coisas do time. Irei tirar um tempo para avaliar a próxima temporada, se houver uma próxima temporada – disse o QB dos Steelers.

O técnico do Pittsburgh Steelers, Mike Tomlin, afirmou que a declaração de Big Ben deve ser levada a sério e que é comum para um jogador que já está em sua 13ª temporada na NFL, mas destacou que não há motivo para desespero em Pittsburgh.

Roethlisberger possui dois títulos do Super Bowl em seu currículo, em 2006 e 2009, ambos com os Steelers, e é tido como nome certo no Hall da Fama da liga americana após a aposentadoria. Na temporada 2016/17, Big Ben teve 3.819 jardas de passe, 29 touchdowns e 13 interceptações.

New England Patriots e Atlanta Falcons decidem o título do Super Bowl 51, no dia 5 de fevereiro, a partir das 21h (horário de Brasília), em Houston, no Texas.

Publicado em Atlanta Falcons, Campeonatos, New England Patriots, Super Bowl, Time | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

Quais são? Conheça cada peça do equipamento de proteção do jogador de Futebol Americano

Crédito da foto: Blog JF KIngs

O Futebol Americano é um dos esportes onde o contato com outros jogadores é inevitável, e sempre resulta em jogadas muitas vezes consideradas violentas. Ainda assim, graças ao alto grau de proteção do material utilizado pelos jogadores, as contusões geralmente são minimas. Confira quais são os equipamentos utilizados pelos atletas da NFL, e qual a importância de cada um deles na segurança das estrelas da principal liga desta modalidade:

A segurança dos atletas sempre vem em primeiro lugar para as 32 franquias que disputam a NFL, a principal liga de futebol americano no mundo. Para preservar seus jogadores, geralmente um time gasta aproximadamente US$ 1,5 mil com equipamentos de proteção para cada atleta, o que faz com que ele entre em campo com nada menos do que dez quilos de uma verdadeira armadura.

Helmut

Com certeza, o equipamento de proteção mais importante é o capacete, ou como é chamado pelos americanos, o Helmut. Geralmente, eles são feitos sob medida para cada jogador, Enquanto na parte externa, o Helmut é feito de policarbonato de plástico, um material leve e muito resistente (semelhante ao material utilizado para a confecção dos capacetes dos astronautas da NASA), na parte interna ele é acolchoado e possui algumas almofadas (chamadas de pads) e bolhas de ar (air bladders), que são ajustadas para que o capacete se torne confortável na cabeça do jogador, além de absorver melhor os impactos e evitando alguns danos ao atleta.

Chin Strap e Face Mask

Também faz parte do capacete, o Chin Strap, que se trata da alça que protege o queixo do jogador, e a Face Mask, que é a grade frontal que geralmente é feita de aço de carbono. Outra proteção para a cabeça dos atletas que é feita sob medida, é o protetor bucal. Alguns atletas ainda utilizam uma viseira, para evitar que alguma coisa entre nos olhos. Outra diferença, é que o no capacete do quarterback e do jogador que fica no centro da linha de defesa, existe um ponto eletrônico, pelo qual ele pode se comunicar com o técnico do time.

Shoulder Pads

Outro equipamento de suma importância para a proteção dos jogadores de futebol americano se trata do Shoulder Pads, que fica abaixo da camiseta (chamada de Jersey), que de fato é uma espécie de armadura em si. O Shoulder Pad protege desde o ombro, até a área do peito, e como é feito de plastico rígido com espuma acrílica e revestido de nylon antibactericida, ele absorve o impacto de quando o jogador é atingido e ameniza a pressão no ponto onde ele recebeu a pancada, evitando boa parte das contusões.

Back Plate, Hip Pads e Neck Collars

Existem algumas peças extras, que são utilizadas de acordo com a posição do atleta em campo. Os corredores, por exemplo, utilizam o Back Plate, para proteger as costas, e os Hip Pads, que são protetores para o quadril (este último, alguns jogadores de outras posições também utilizam). Linebacks e homens da linha de defesa geralmente utilizam o Neck Collars, uma espécie de colar de espuma que protege o pescoço deles quando são empurrados para trás pelo jogador adversário.

Pads

Também completam a armadura de proteção dos jogadores, os pads (almofadas), que são feitas de plástico e revestidas de borracha, que geralmente são utilizadas para proteger as partes inferiores do corpo do atleta, como a coxa, o quadril (como citado acima anteriormente), joelheiras, caneleiras e o cóccix. Tem também a corquilha, que protege os órgãos genitais. Porém, essas proteções não são obrigatórias, e a opção é inteiramente dos atletas (que geralmente utilizam, afinal de contas, proteção é fundamental, não é mesmo?)

Jerseys e Pants

Apesar de não oferecem proteção, não podemos deixar de mencionar as peças que mais se destacam: as Jerseys (camisas ou camisetas, como queira chamar) e Pants (calças). As camisas são feitas de nylon, e possuem painéis laterais para mantê-las firmes. Elas geralmente ficam justas nos atletas por conta do tamanho do Shoulder Pads, e também possuem um velcro nas costas, que adere com o velcro das calças, e desta forma, se mantém firme, ao contrário das camisas de jogadores de futebol por exemplo, que são fáceis de serem puxadas. As Jerseys, pelo contrário, são bem mais difíceis de serem agarradas pelo adversário. As calças também são feitas de nylon, e possuem elastano, material que permite que elas fiquem ajustadas ao corpo do atleta, e que acomoda de maneira confortável as caneleiras.

Luvas e chuteiras

Por fim, luvas e chuteiras também possuem papel importante na vestimenta dos jogadores de futebol americano. As luvas são diferentes conforme a posição dos atletas: corredores, recebedores e quarterbacks utilizam um modelo mais leve (aproximadamente entre 200 e 300 gramas), que possuem um acolchoamento especial para proteger as mãos, e a palma é revestida de um plástico aderente que impede a bola de escorregar das mãos, enquanto a luva dos demais jogadores é bem mais pesada (praticamente tem o dobro do peso), e possui um enchimento bem mais firme, inclusive com alumínio, que é para evitar fraturas.

As chuteiras também mudam de acordo com a posição dos jogadores no campo: os bloqueadores geralmente utilizam travas mais altas, em torno de 2,5 cm, para que tenham mais tração. Existem as intermediárias, cuja as travas medem 1,8 cm e são utilizadas pelos quarterbacks e lineman. As travas mais baixas, de 1,3 cm, são utilizadas pelos corredores e recebedores, já que são mais indicadas para velocistas.

Publicado em Bola, Capacete, Equipamentos, Ombreiras, Protetor, Uniforme | Com a tag , , , , , , , , , , , , | 1 comentário

O Futebol Americano cresceu consideravelmente , no Brasil, atingindo agora a cidade de Franca

O Futebol Americano cresceu consideravelmente, no Brasil, nos últimos tempos. Além de torcedores e admiradores da modalidade, passou a surgir equipes que praticam o esporte. Em Franca, há duas equipes que trouxeram a prática para a cidade, que são “Os Carrascos” e “Franca Imperadores”.

De acordo com o treinador de defesa do Franca Imperadores, Marcos Vinicius, atualmente o processo de formação está em 18 jogadores. Na equipe não há restrição de idade para os jogadores, no entanto a principal faixa etária é de 17 a 23 anos.

“O pessoal que joga conosco é uma galera muito nova, mas também temos jogadores acima de trinta anos, a idade varia bastante, mas não é nenhum problema para nós”, explica Marcus.

A equipe treina semanalmente no Poliesportivo Pedrocão e levam extremamente a sério as regras da modalidade. O time preza pelo trabalho coletivo e também reforça a parte teórica do esporte, e mostram que a prática não depende somente da força física do atleta, mas também da tática e lógica.

Apesar do esporte ainda ser considerado uma modalidade amadora, a equipe tem como objetivo traçar um perfil profissional na cidade. O time Franca Imperadores iniciou a ideia em 2015 e no ano passado colocaram em prática as atividades planejadas e juntos formaram o segundo time na cidade. O primeiro é a outra equipe “Os Carrascos”

“Ainda temos como objetivos jogar amistosos com equipes da região, participar de campeonatos como a Liga Nacional. E neste ano vamos treinar cada vez mais para alcançar essas metas”, explicou Marcos do Franca Imperadores.

O treinador também explica que no inicio foi uma grande carga levar a equipe, já que a disseminação da modalidade era pequena. Hoje, afirma estar orgulhoso por treinar e ensinar o esporte para o time.

Publicado em Franca Imperadores, Os Carrascos, Time | Com a tag , , | Deixar um comentário